Revista VIDA RURAL - Orgulho de ser do campo

Café

Produção de 47,37 milhões de sacas de café arábica no Brasil ocupa área de 1,5 milhão de hectares em 2020

A produção da espécie de café arábica no Brasil está presente em quatro das cinco regiões macroeconômicas – Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste – e ocupa uma área total de 1,5 milhão de hectares, com produção estimada em 47,37 milhões de sacas e produtividade média de 31,27 sacas por hectare em 2020. Com relação ao café conilon, a área ocupada na produção corresponde a 369,6 mil hectares, com volume de 14,25 milhões de sacas e produtividade média de 38,56 sacas por hectare.

Conab oferece apoio a produtores na armazenagem de café

Um dos apoios oferecidos pela Conab são as informações do Sistema de Cadastro Nacional de Unidades Armazenadoras (Sicarm). A ferramenta, disponível no site da Conab, informa quais empresas possuem armazéns disponíveis em todo o País. O cadastro é atualizado constantemente e oferece detalhamento por região. O sistema também mostra a situação cadastral da empresa junto à Conab, o que dá mais segurança na hora da contratação do serviço de armazenagem.

Consumo mundial de café deve ultrapassar 168 milhões de sacas no ano-cafeeiro 2019-2020

Com relação à produção mundial, estima-se que o ano-cafeeiro 2019-2020 atinja o volume de 169,34 milhões de sacas, número que representa uma redução de 2,2% se comparado ao ano-cafeeiro anterior. A estimativa é uma redução de 5% na produção de café arábica que deve atingir o volume físico de 96 milhões de sacas, enquanto que para o café robusta a previsão é de um aumento de 1,9%, alcançando 73 milhões de sacas produzidas.

CAFEICULTOR SE ATENTA AO CLIMA

Com a colheita praticamente finalizada em todas as regiões acompanhadas pelo Cepea e com algumas floradas pontuais sendo observadas nas lavouras de arábica, cafeicultores estão preocupados com o clima quente e seco, que já vem prejudicando as condições dos cafezais.

Medidas de combate à pandemia definem atualização da safra de café em apenas três etapas

Devido às ações de enfrentamento ao novo coronavírus, a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) deve realizar apenas três levantamentos sobre o andamento da cultura de café na safra 2020, ao invés das quatro atualizações feitas normalmente em cada ano. Com isso, o próximo anúncio marcado para o dia 22 de setembro é considerado o 3º da safra, uma vez que o segundo estava marcado para o mês de maio e teve que ser cancelado pelas restrições derivadas do isolamento.