Revista VIDA RURAL - Orgulho de ser do campo
Home > Pecuária > Leite > Vacas alimentadas com linhaça produzem leite mais nutritivo

Vacas alimentadas com linhaça produzem leite mais nutritivo

Vacas leiteiras alimentadas com linhaça produzem leite mais nutritivo, de acordo com um novo estudo da Oregon State University, dos Estados Unidos. O estudo descobriu que o leite continha mais ácidos graxos ômega-3 e menos gordura saturada. 

Dietas ricas em gordura saturada podem aumentar o colesterol e causar doenças cardíacas, enquanto as ricas em ômega-3 e outros ácidos graxos poliinsaturados podem reduzir o risco de doenças cardíacas, mostraram estudos. Segundo Gerd Bobe, principal cientista do estudo, a alimentação tradicional de gado misturada com milho, grãos, feno de alfafa e silagem de capim produz produtos lácteos com baixas concentrações de ômega- 3 e outras gorduras poliinsaturadas. da ciência leiteira. 

Estudo constatou que alimentação de vacas de até seis quilos de linhaça melhorou o perfil de gordura sem afetar a produção e a textura do leite (Fotos: Divulgação)

Dez vacas produtoras foram alimentadas com diferentes quantidades de linhaça, até sete por cento de sua dieta diária. Os pesquisadores tentaram determinar a quantidade de linhaça que maximizaria a quantidade de ômega-3 no leite e nos produtos lácteos, sem afetar negativamente sua produção e textura. “Estávamos procurando um ponto ideal”, disse Bobe, especialista em nutrição humana e animal. “Muita coisa boa pode ser ruim, especialmente quando se trata de manter a consistência com os laticínios”, completa. 

Colaboradores do departamento de ciência e tecnologia de alimentos da OSU ajudaram a transformar o leite em manteiga e queijo fresco, que foram analisados para determinar sua textura e composição nutricional. O estudo constatou que a alimentação de vacas de até seis quilos de linhaça extrudida melhorou o perfil de gordura sem afetar adversamente a produção e a textura do leite e de outros produtos lácteos. A extrusão pressiona a semente de linhaça moída em grânulos com calor. 

Fonte: Agrolink

Artigos relacionados
Prazo para produtor rural do MS se cadastrar no Proacap é prorrogado para 30 de setembro
Boi: mercado externo aquecido e menor oferta interna sustentam preços
Mapa coordena última etapa técnica para o reconhecimento de três novas áreas livres de febre aftosa sem vacinação


Deixar um comentário